Alepe recebe informações sobre pernambucanos retidos em Portugal

Um representante do Ministério de Relações Exteriores (MRE) respondeu à solicitação de informações sobre os pernambucanos que estão em Portugal. O pedido foi encaminhado pela Comissão de Assuntos Internacionais da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), através do deputado estadual Delegado Erick Lessa, que integra o colegiado. De acordo com o representante do MRE, o processo de repatriação está sendo tratado com urgência, especialmente por meio de um gabinete de crise que foi montado pela pasta durante a semana.

A Comissão da Alepe apresentou uma relação de nomes de um grupo de 21 brasileiros, cujas famílias solicitaram um acompanhamento no intuito de acelerar a repatriação. As informações são de que o grupo está instalado e com acesso ao mercado, mas com escassos recursos financeiros. Entretanto, o representante do MRE informa que as embaixadas não dispõem de autorização legal, previsão orçamentária ou valor monetário para suporte das pessoas que estão no aguardo do retorno para o Brasil.

O Ministério divulgou que foi criado um número de plantão emergencial em Brasília, por telefone ou WhatsApp (+55 61 98260-0787). Os brasileiros poderão acionar o canal para agilizar as tratativas que buscam solucionar esta situação.

“Fui procurado pelos familiares destes pernambucanos, que estão preocupados com a situação dos entes queridos no exterior, diante da pandemia do coronavírus. Comprometi-me a acompanhar de perto e fazer o que estiver ao nosso alcance para ajudar essas famílias”, afirma o deputado Erick Lessa.

Comentários do Facebook